Seg - Sex 08:30-18:30
Email contato@happ.com.br Ligue Agora! +55 51 4042-3564
Seg - Sex 08:30-18:30
Email contato@happ.com.br Ligue Agora! +55 51 4042-3564

#3 – Dicas avançadas para melhorar seu posicionamento no Google

  1. Começando uma Estratégia SEO
  2. Principais segredos do SEO
  3. Dicas avançadas para melhorar seu posicionamento
  4. Principais ferramentas para SEO

 

Dica #1: Links internos:

Muito se fala da importância de links externos, a tal da técnica do linkbuilding, onde seu site ganha links apontando para ele. Mas, precisamos falar, também, dos links internos. 

Quando se trata de SEO, os links internos do seu site, assim como os externos devem ter mesmo nível.  Para que você entenda melhor a atenção que também deve ser dada a eles, aqui vai uma explicação resumida:  Quando seu site está sendo ranqueado pelo Google, há um algoritmo que precisa dos links internos para se nortear em seu site. Ou seja, assim, cada página será indexada. Se essa linkagem interna não estiver bem-feita, pode ser que alguma delas fique de fora. Então, por exemplo, se seu site possui 6 páginas, e a home só aponta para 5, significa que uma ficará de fora dessa indexação. Mas não entre em desespero: há uma forma de contornar isso. Ao criar um mapa do seu site e deixá-lo acessível aos mecanismos de busca, você conseguirá uma resolução similar.

 

Dica #2: Otimização de títulos:

Quando o usuário realiza uma pesquisa nos motores de busca, cada resultado chega com um link em azul, com conteúdo correspondente ao que foi pesquisado. O texto que vem nos links  é fundamental se você pretende fazer um bom trabalho de SEO. Esteja sempre atento para o número ideal de caracteres: Não pode passar de 70, pois extrapolando esse limite, os títulos dos links aparecerão “quebrados”, automaticamente  não serão exibidos por inteiro. E, para o usuário que vai visualizar isso, não vai soar profissional, já que não poderá visualizar o conteúdo do título do link por completo.

 

Dica #3: Imagens otimizadas:

Se você espera um bom retorno do SEO implementado em seu site, pense que ele deve estar totalmente otimizado para isso. E não pense que esse “totalmente” exclui as imagens do site. Saiba as imagens otimizadas melhoram a leitura do Google, fazendo, assim, que a probabilidade de que seu site tenha um melhor posicionamento. Para otimizá-las, salve-as com a palavra-chave em seus nomes. Assim, elas serão upadas com essa configuração. Também é importante que o atributo “alt” esteja devidamente preenchido com o termo, pois caso a imagem não possa ser exibida, o conteúdo de “alt”  irá contornar isso, já que será lido. 

 

Dica #4: URL’s amigáveis:

URL’s amigáveis são importantes a partir do momento em que são essenciais para que o Google consiga indexar, devidamente, os seus links. Além da necessidade de colocar suas palavras-chave nas URL’s, também é importante que você evite acentos, cedilhas ou qualquer outro caractere especial, mesmo que o termo requeira, pois assim torna-se difícil, já que o Google lê códigos em html e não palavras. 

 

Dica #5: Verificação e resolução de problemas no site:

Todo mundo já sabe que não adianta ter um site, se não há um trabalho de SEO bem-feito. Sem o mínimo de SEO é possível dizer que seu site nem existe, apesar de imaginar o contrário. O caso aqui é que se faz site para que os clientes o acessem e possam saber mais sobre sua empresa. Já o cliente que não sabe da existência do seu produto/serviço, é a forma mais provável que o levará a conhecê-lo será pelos motores de busca (pesquisa). E se ele não está bem indexado, é lamentável dizer, mas praticamente seu site não existe para este cliente. 

Agora, se você tem um site, e sabe que ele tem um trabalho de SEO, mas não está vendo muito retorno. Provavelmente, ele tem alguns erros que podem ser de fácil resolução até, mas que precisam de uma verificação para saber o que deve ser feito. Veja abaixo alguns erros que possam estar atrapalhando este trabalho de SEO:

  • Links quebrados (externos ou internos);
  • Títulos muito longos ou a falta deles;
  • Duplicação de meta-informação

 

Dica #6: Segmentação de conteúdo:

Mesmo que você saiba exatamente o nicho/ ramo em que atua e escreva sobre ele em seu blog, escolha um assunto dentro dele e foque 80% de seus conteúdos sobre. Muita gente não costuma focar em nada, apenas posta diversos conteúdos  que estejam dentro do nicho,ou seja, isso é razoável. Mas focar em um assunto específico, colocará sua empresa em uma atmosfera de “profundidade”, de especialista no que faz. Se um usuário busca por algum conteúdo relacionado à sua área de atuação, já sabendo o básico, mas querendo se aprofundar, sua empresa vai se dar bem, pois já terá conteúdos aprofundados sobre o tal  do assunto. 

 

Dica #7: SEO está em constante evolução:

O Google, com o objetivo de oferecer sempre uma boa experiência para os seus usuários, continuamente, está otimizando e mudando alguns algoritmos. Isso significa que se houve uma mudança, é necessário que esta seja estudada para que seja implementada em seu site. Agora se  você ignorar essas mudanças, é bem provável que seu site perca o posicionamento com o passar das otimizações. Por isso, é sempre indispensável estar por dentro!

#3 - Dicas avançadas para melhorar seu posicionamento no Google